NOTA PARA A SOCIEDADE



Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST/PA

NOTA PARA A SOCIEDADE

Na noite do dia 24/08/2011, 150 famílias organizadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST/PA que na madrugada do dia 23/08 haviam ocupado a Fazenda Nova Era em Eldorado dos Carajás, foram por ordem do governo do Estado (e do poder Judiciário do Pará),violentamente despejadas pela ação truculenta da Polícia Militar que contou com a ajuda dos fazendeiros da região.

Sem estabelecer diálogo algum com as famílias acampadas, o forte aparato policial que estavam armados para uma guerra, deu ordens para que todas as famílias se retirassem em 30 minutos da Fazenda e o não cumprimento poderiam levá-los a “ações mais enérgicas” e que não se responsabilizariam pelas conseqüências.

O MST/Pará denuncia as arbitrariedades dessa ação de despejo pactuada pela aliança de classe entre os representantes do Estado e os fazendeiros da região. Denuncia que o Estado paraense tem apoiado um fazendeiro acusado de grilagem de terras e de maus tratos a seus trabalhadores, revelando falta de compromisso com a Reforma Agrária no Pará.

O MST/Pará afirma que todas as famílias permanecerão firmes e mobilizadas para continuar na luta pela conquista da terra e pela implementação da Reforma Agrária em nosso Estado. Anuncia que em função dessa ação de despejos outras centenas de famílias de trabalhadores rurais Sem Terra se mobilizaram e fecharam diferentes trechos de estradas na região sudeste do PA: no Acampamento Helenira Resende na estrada BR 155, no Acampamento João Canuto sentido Eldorado dos Carajás à Xinguara e no Acampamento Frei Henri sentido Curionópolis à Parauapebas. 

O MST/Pará afirma que está preparado para estabelecer um processo de negociação com os governos federal e estadual e, até que isso se efetiva permanecerá em luta e mobilizados!

Coordenação Estadual do MST/PA
Reforma Agrária: Por Justiça Social e Soberania Popular!
Marabá, 25/08/2011
Anúncios

Sobre União - Campo, Cidade e Floresta

Noticias das LUTAS DOS POVOS EMPOBRECIDOS - NO CAMPO, NA CIDADE E NA FLORESTA.
Esse post foi publicado em Luta no Campo. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para NOTA PARA A SOCIEDADE

  1. Rafael Gomes disse:

    Companheiros,
    A equipe do jornal A Nova Democracia esteve no Complexo do Alemão para registrar o que de fato está acontecendo na comunidade.

    Confiram os dois vídeos feitos por A Nova Democracia:

    VÍDEO – Complexo do Alemão: Luta dos moradores contra abusos de poder é transformada em guerra do tráfico pelo exército

    VÍDEO – Após rebelião, moradores denunciam abusos do exército no Complexo do Alemão

    Saudações!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s