Indígenas Terena são ameaçados por jagunços ligados a fazendeiros invasores


do site do CIMI

Por Luana Luizy,

de Brasília

 

Durante processo de retomada pacífica de área indígena invadida por fazendeiros, no último sábado, 23, em Miranda, Mato Grosso do Sul, um grupo do povo Terena, composto por 120 adultos e 40 crianças, foi impedido de entrar nas terras de ocupação tradicional por cerca de 20 jagunços fortemente armados.   

 

A comunidade indígena fica a cerca de 50 metros da área invadida e durante a noite bombas e foguetes foram lançados pelos jagunços, contratados pelos fazendeiros, conforme os Terena, na comunidade. Não houve nenhum ferido.

 

“Estamos preocupados com a possibilidade de um conflito direto. Eu mesmo já recebi várias ameaças de morte”, afirma Joelson Terena.

 

A terra reivindicada pelos Terena sofre com a morosidade no processo de demarcação pela Fundação Nacional do Índio (Funai). Desde os tempos de Serviço de Proteção ao Índio (SPI) o território é reclamado pelos indígenas.

 

Estudo antropológico e relatório cartográfico da área estão prontos, mas a falta da análise jurídica impede o reconhecimento. Uma visita da presidente da Funai, Marta Azevedo, está agendada para o próximo mês.

 

“Quando a presidente vier faço questão que ela anda de casa em casa para ver a situação. Somos genuinamente agricultores e não temos terra para cultivar. A comunidade produz o suficiente só para se manter, não usamos a terra como meio de obter lucro”, reitera Joelson Terena.

Anúncios

Sobre União - Campo, Cidade e Floresta

Noticias das LUTAS DOS POVOS EMPOBRECIDOS - NO CAMPO, NA CIDADE E NA FLORESTA.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s