Moção de Repúdio ao Ato Impetrado pela Reitoria em exercício da PUC-SP


Todas e todos já estamos sabendo o que ocorre na PUC-SP, sabemos da perseguição política que as lideranças d@s Funcionári@s, Professoras e Professores e Estudantes estão sofrendo. Acompanhamos um processo política, que tentam mascarar como se fosse administrativo contra a Professora Bia Abramides, que tem como finalidade parar o movimento contra a nomeação de Anna Cintra para reitora da instituição.

Solicitamos a divulgação e o envio desta moção para os emails :

 

À

V. Em.ª Revma

Dom Odilo Pedro Scherer

Cardeal Arcebispo Metropolitano de São Paulo imprensa@arquidiocesedesaopaulo.org.br

 

À Reitoria reitoria@pucsp.br

 

Ao

Revmo. Sr.

Padre José Rodolpho Perazzolo

Secretário Executivo da Fundação São Paulo fundacaosaopaulo@pucsp.br

 

Cópia para

imprensaapropuc@gmail.com

Moção de Repúdio ao Ato Impetrado pela Reitoria em exercício da PUC-SP

 

Contra todos os princípios democráticos conquistados ao longo de sua história, a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo está permitindo e mantendo, através da sua representante na reitoria, uma postura nada menos que autoritária e intransigente na direção da abertura do processo administrativo instaurado contra a profa. Beatriz Abramides. A alegação é de “mau comportamento ético-moral, por esta ter participado da manifestação dos alunos contra a instauração do Conselho Universitário, que entendem que houve quebra do diálogo institucional e reivindicam uma legítima participação da comunidade em processos decisórios, uma vez que se trata de uma instituição de ensino e não de instituição penal.

A profa. Beatriz, de fato, enquanto representante da Assembléia dos Professores da PUC-SP e conforme deliberação desta, participou da manifestação. Engrossou as fileiras dos descontentes com os rumos que toma esta universidade, desprezando suas tradições e desrespeitando suas práticas democráticas, e manifestou a sua indignação. Nada mais fez do colocar em prática o direito da livre expressão.

Este quadro mostra que não se trata, pois, de mera sindicância. A fria utilização de ferramentas legais disponíveis revela nada mais que um processo demissionário. Atrás dos códigos, tal medida, fruto de insidiosa manipulação política, quer garantir a eliminação, por “causa justa”, da docente Beatriz Abramides e do que hoje ela fortemente passa a representar: o símbolo de uma resistência às iniqüidades, aos mandos e desmandos que campeiam a PUC-SP, em nome da ordem e da segurança – uma ordem repressiva e uma falsa segurança. E, com isto, pretende-se, em palavras comuns, “cortar o mal pela raiz. Ledo engano! A docente realmente emprestou a sua voz para clamar o resgate da autonomia /democracia universitária – tão em baixa nesses corredores que já conheceram momentos na História de nosso país -, mas não é a única

voz. Tantas outras existem e tantas outras estão se revelando, multiplicando-se a cada dia e encontrando eco em outros espaços, inclusive para além do setor universitário.

Através desta moção, hoje, somos todos Bia Abramides, somos todos uma PUC-SP democrática, sem intervenções autoritárias, nem golpes espúrios, nem mesmo Golias travestidos em senhores da ordem.

Sob pena de se ver a Educação ser freada e desvirtuada, de ter uma universidade nada significativa, temos que refletir. De que tem medo a PUC-SP? De revelar a sua face oculta? Lembramos aqui que as páginas bíblico-históricas celebram a inevitável vitória de David.

Manifestamos o nosso repúdio e colocamos a nu, aqui e agora, a nossa indignação. Pela retirada imediata do processo administrativo contra a professora Bia Abramides e não abertura de nenhum outro processo político a nenhum professor, estudante ou funcionário.

São Paulo, 03 de abril de 2013

 

Assinar e colocar comentário (se possível) e enviar aos endereços mencionados acima.

Anúncios

Sobre União - Campo, Cidade e Floresta

Noticias das LUTAS DOS POVOS EMPOBRECIDOS - NO CAMPO, NA CIDADE E NA FLORESTA.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s