MOÇÃO DE REPÚDIO AO PREFEITO DE PARANAÍBA – MS, DIOGO TITA


MOÇÃO DE REPÚDIO AO PREFEITO DE PARANAÍBA – MS, DIOGO TITA 

A Associação Brasileira de Psicologia Social – ABRAPSO, Regional São Paulo, vem a público manifestar o seu repúdio aos fatos ocorridos na noite de sábado, dia 31/08/2013, no restaurante “Come Come”, no município de Paranaíba.

Nesta ocasião estavam presentes professores do curso de Psicologia e convidados palestrantes de um mini-curso realizado no mesmo dia no câmpus da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS – CPAR). Os presentes foram abordados pelo prefeito Diogo Robalinho de Queiroz, também conhecido como Diogo Tita, que agrediu verbal e fisicamente os professores manifestando desrespeito e desqualificação do trabalho docente, além de demonstrar um uso abusivo do poder e ferir a autonomia da Universidade Pública.
Manifestamos apoio aos professores, entre eles o Coordenador do curso de Psicologia, Professor Doutor Nilson Berenchtein Netto, antigo militante da ABRAPSO, Núcleo – Bauru, que tem demonstrado indiscutível comprometimento com a defesa da Universidade Pública de qualidade e a formação de trabalhadores, em particular da área de Psicologia, contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa. 

Consideramos fundamental, para uma formação escolar consistente, que ela possa existir de forma a garantir a perspectiva emancipatória, promotora de desenvolvimento humano. Para que isto ocorra, dentre outros, é necessário que, seja na educação que acontece na universidade ou em outros contextos, deve-se garantir a promoção de amplo debate junto à população, colocando-se como condição imprescindível para o desenvolvimento de postura crítica frente aos temas emergentes da sociedade. 

A ABRAPSO coloca-se veemente comprometida a combater e romper com práticas que permitam e inclusive incitem violência e abuso de poder, que são perpetradas em situações como esta ocorrida com os professores. A defesa da qualidade da universidade em seus pilares e compromisso com a crítica social, portanto, revela o comprometimento de professores que nada mais faziam que o cumprimento de sua função social.

Associação Brasileira de Psicologia social – ABRAPSO – Regional São Paulo

Anúncios

Sobre União - Campo, Cidade e Floresta

Noticias das LUTAS DOS POVOS EMPOBRECIDOS - NO CAMPO, NA CIDADE E NA FLORESTA.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para MOÇÃO DE REPÚDIO AO PREFEITO DE PARANAÍBA – MS, DIOGO TITA

  1. Clovis Pacheco F. disse:

    Infelizmente, a moção não contou como é que os fatos se passaram.

  2. Maria Helena Hipolito Tedoosio disse:

    Bom, ao invés de se meter em confusão, o prefeito Tita deveria cuidar dos assuntos da cidade, como por exemplo, construir a Ponte dos Coqueiros, que caiu, obrigando os que dela precisam dar uma volta de 12 quilômetros para chegar nos seus destinos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s